Projeto Cinema na Escola


 

Juraci Araújo

Cinema na escolaUm projeto vem mudando a realidade de alunos da escola Teônia Amaral, em Florânia. A cidade das flores, como é conhecida, já tem uma tradição na produção cinematográfica no Estado. “Com quantas ave-marias se faz uma Santa”, de Alderir Lucio e o “Boi do Lixo”, de Odair José, os dois ex-alunos da escola, são exemplos disso.

O cinema é uma ferramenta importante para o desenvolvimento da aprendizagem, proporcionando ao educando experimentação, descobertas, invenção, aprendizado. Estimula as habilidades, a curiosidade, a autoconfiança e a autonomia contribuindo para o desenvolvimento da linguagem a ser incorporada a educação que surge como um elemento que possibilita a aprendizagem, garantindo uma participação na atividade educativa.

Cinema é arte, é fantasia, é sonho, é diversão...

O projeto Cinema na Escola em Florânia - RN visa contribuir para um grande debate local sobre as origens, o cotidiano e as experiências pedagógicas por meio da exibição de filmes importantes para o resgate da memória, convidando para a transformação de valores, projetos e sonhos.

Utilizar o espaço da sala de aula, permitir ao aluno que exercite sua criatividade, ampliando os canais de comunicação no próprio meio, desenvolvendo assim o sentido de equipe com a aprendizagem responsável.

Um dos objetivos do projeto é incentivar o gosto pelas produções locais e os filmes produzidos e digeridos pelos amigos floranienses. A telessala é localizada na Escola Estadual Teônia Amaral, no qual os próprios atores, figurantes, produtores, são as pessoas da referida escola e comunidade.

Na eventual falta de professores as turmas são dirigidas a esse ambiente escolar, no qual assistem produções cinematográficas. Após as exibições são produzidos desenhos, textos e poesia.

O projeto propõe também uma contribuição cultural no município, partindo do ambiente escolar, trazendo consigo uma visão aguçada no melhoramento do ensino  e aprendizagem através das novas mídias e tecnologias, utilizando como vetor maior o cinema brasileiro.

Durante as mostras de cinema, o projeto proporciona a discussão da produção audiovisual brasileira e potiguar, realiza oficinas e exposições nas áreas da leitura de imagem, desenho, fotografia e cinema. Outra atividade importante é a capacitação e formação de agentes culturais comprometidos com a documentação e a difusão do patrimônio cultural do município.

Dentro   do projeto foram realizadas várias apresentações culturais como: grupo de violões, grupo de pastoril, dança aeróbica, banda da escola, lançamento do filme “Zezinho e a Árvore Gigante”, além do documentário sobre a  Banda da Escola - todos  produzido por floranienses.

As produções cinematográficas “Feliciana e Os Cabaços do Sertão” e "Tainá", são hoje o grande destaque na telessala da Escola Estadual Teônia Amaral em Florânia RN.


Prof. Juraci

Juraci Araújo Professora da Rede Estadual de Educação RN. Trabalha há 28 anos na educação. Dinâmica e incansável se preocupa em fazer da escola um ambiente prazeroso e agradável para os estudantes.

Blog: http://juraciprofessora.blogspot.com.br/

 

 

 

 

 

blog comments powered by Disqus